Costela de porco assada, modo de preparo

Os suínos chegaram ao continente americano na segunda viagem de Colombo, que os trouxe em 1494 e soltou-os na selva. Em 1499, já eram numerosíssimos e prejudicavam muito as plantações em todo o continente. Os descendentes desses porcos chegaram a povoar grande parte da América do Norte. Também chegaram até o Equador, Peru, Colômbia e Venezuela. Foram introduzidos no Brasil por Martim Afonso de Souza em 1532. No início, os porcos brasileiros eram provenientes de cruzamentos entre as raças portuguesas, e não havia preocupação alguma com a seleção de matrizes. Com o tempo, criadores brasileiros passaram a desenvolver raças próprias.

Hoje o porco é a carne mais consumida no mundo e  satisfaz os desejos das multidões de admiradores. Um dos cortes mais consumidos da carne de porco é a costela. Considerada pela maioria dos consumidores dessa carne como sendo a mais saborosa. A costela de porco pode ser assada na panela, no forno, na brasa ou até frita. Dentre das inúmeras maneiras de preparo, será apresentado neste post uma deliciosa receita.

Costela de porco assada

Ingredientes

Costela de Porco

  • Uma ripa de costela de porco de mais ou menos de 1 1/2kg a 2kg
  • 1/2 maço de salsinha
  • 5 dentes de alho
  • sal a gosto
  • suco de 3 limões
  • molho de soja
  • colorau

Modo de preparo

Lave bem a costela de porco com água corrente, coloque todos os ingredientes no liquidificador e bata bem. Pegue a costela, coloque em uma saco plástico próprio para alimentos e jogue dentro os temperos que você bateu no liquidificador. Deixe marinar no tempero por 24 horas. Durante esse tempo dê uma viradinha nas costelas pelo menos uma vez.  No outro dia, coloque a costela em uma assadeira com os ossos para cima coberta em papel alumínio. Leve ao forno preaquecido a 200°C. Asse por 2 horas com o papel alumínio e 40 minutos sem o papel alumínio. Está pronto para a degustação!

Então, saiba outras receitas!

Deixe uma resposta